1º HIA International Summit – “New Healthcare Challenges in Azores”

Decorreu nos dias 21 e 22 de outubro, o 1º HIA International Summit, sob o título, “New Healthcare Challenges in Azores”, organizado pelo Hospital Internacional dos Açores e que juntou um vasto conjunto de cidadãos, incluindo profissionais de saúde e organizações.

O Hospital Internacional dos Açores (HIA), em Lagoa, São Miguel, nos terrenos contíguos ao Nonagon – Parque de Ciência e Tecnologia, foi inaugurado em março de 2021, sendo o primeiro Hospital privado na Região, que irá cobrir as necessidades de pacientes locais, mas também internacionais, colocando os Açores como um destino de referência na esfera do Turismo Médico.

Todos os equipamentos do HIA são de tecnologia de ponta, recorrendo às versões topo de gama dos diversos fornecedores, com destaques, entre outros, para as áreas como a Imagiologia e o Bloco Operatório nas suas mais diversas vertentes, bem como, a área da Cirurgia Cardíaca, Urologia, Oftalmologia e Cardiologia.

Durante os dois dias da Cimeira, foram promovidos diversos debates sobre temas e técnicas relevantes para o setor da saúde e o bem-estar da comunidade, com a presença de especialistas nacionais e internacionais, como o Prof. Craig de Mello (Prémio Nobel de Medicina e Fisiologia em 2006).

Simpósios cirúrgicos tais como TAVI, Cirurgia Cardíaca e Cardiotorácica foram demonstrativos das novas áreas de diagnóstico, intervenção e cirurgia que o HIA disponibiliza para melhoria da saúde nos Açores.

Paralelamente ao 1st HIA International Summit, tivemos também um simpósio satélite, sobre concepção, projecto e execução, orientado para a área de Engenharia e equipamentos hospitalares, destinado a Engenheiros responsáveis pela manutenção, Gestores das áreas técnicas hospitalares, responsáveis por gabinetes de projeto e responsáveis pela gestão de investimentos na área hospitalar.

Pela empresa projetista “Electroeng”, foram apresentados os aspetos mais relevantes e as diversas áreas funcionais do empreendimento.

Pelas empresas de equipamentos e tecnologia médica, foram apresentados temas muito atuais e inovadores.

A Siemens Healthineers focou-se na mais moderna tecnologia de “Salas Híbridas” e todos os requisitos de projeto e execução.

A MCMedical (ex. Medicinália Cormédica) especialista nas áreas críticas (Bloco Operatório e U.C.I.), apontou caminhos novos, tais como a Integração Nivel II com Navegação Gestual nas salas operatórias e a Conectividade nos Cuidados Intensivos.

O programa do Simpósio Satélite concluiu-se com uma visita às instalações do HIA.

Correspondendo ao convite feito pela administração do Hospital Internacional dos Açores (HIA), a ATEHP fez-se representar, tendo participado nos eventos do auditório do espaço Nonagon bem como no evento satélite na Sala Apollo, nos dias 21 e 22 de outubro.

Difusão do 8º Webinar – Lledó – “Novas Tecnologias e Soluções para as infraestruturas de iluminação na área hospitalar”

Integrado no ciclo de Webinars ATEHP-Inovação, e dando cumprimento ao seu plano de atividades, a Direção da Associação organizou mais uma ação formativa, que teve lugar no dia 16 de maio de 2022, pelas 16h, subordinada ao tema “Novas Tecnologias e Soluções para as infraestruturas de iluminação na área hospitalar” coordenada pelo Eng.º Luis Duarte.

Após a abertura,  com uma intervenção do Eng. Abraão Ribeiro – Vice-Presidente da Direção, foram efetuadas as seguintes apresentações, que estão disponíveis nos links abaixo para difusão entre os associados.

Capitulo 1 – “Iluminação em Ambientes Hospitalares” – pelo Eng.º Henrique Mota / Lledó

Capitulo 2 – “ Sistemas de Controlo de Iluminação “ – pelo Eng.º Sérgio Mota / Lledó

Capitulo 3 – “ Iluminação de Emergência em Ambientes Hospitalares “ – pelo Eng.º Sérgio Mota / Lledó

Capitulo 4-5-6 “Iluminação multifunções; Higienização de Superfícies por radiação UV-C direta; Higienização do ar por radiação UV-C oculta e Iluminação em tetos e pavimentos técnicos” – pelo Eng.º Luis Vasconcelos / Lledó

Contamos, desta forma, contribuir para a divulgação e esclarecimento de temas que são da maior importância nas escolhas técnicas a fazer quando da definição das soluções a implementar em edifícios que recebem público, nomeadamente Hospitais e Centros de Saúde.

Webinar Inovação: “Novas Tecnologias e Soluções para as infraestruturas de iluminação na área hospitalar”

Dando cumprimento ao Plano de Atividades da ATEHP, no âmbito das Ações Formativas, a Direção da Associação – com o intuito de transmitir e partilhar conhecimento – decidiu dar continuidade ao Ciclo de Webinars ATEHP – Inovação, dando a conhecer novas metodologias, inovação tecnológica e/ou novos produtos.

Neste contexto, iremos realizar mais uma ação de formação online, o 8º Webinar ATEHP, subordinada ao tema “Novas Tecnologias e Soluções para as Infraestruturas de Iluminação na Área Hospitalar”, o qual terá lugar no próximo dia 16 de maio, pelas 16:00 horas, cujo Programa encontra-se em anexo.

O Webinar terá uma duração de 90 min e contará com a participação de conceituados Oradores/Colaboradores nossos Associados que, no período de debate final, responderão a perguntas e/ou prestarão esclarecimento de dúvidas técnicas.

A participação é gratuita mas necessita de inscrição, através do site da ATEHP.

Atempadamente a Organização disponibilizará aos inscritos o link de acesso ao Webinar, através da plataforma Colibri-Zoom.

 

Organização
ATEHP – Associação de Técnicos de Engenharia Hospitalar Portugueses

Abertura e apresentação do Ciclo de Webinars ATEHP
António Ribeiro, Presidente da Direção da ATEHP

Moderação / Coordenação
Luís Duarte, Tesoureiro da Direção da ATEHP

Oradores/Colaboradores

Henrique Mota
Engenheiro Eletrotécnico
Diretor Geral – Lledó

Sérgio Costa
Engenheiro Eletrotécnico
Iluminação de Segurança e Controlo – Lledó

Luís Vasconcelos
Engenheiro Eletrotécnico
Iluminação e Soluções Integradas – Lledó

Duração
90 min

Descarregue Programa

Inscrições

A inscrição e consequente acesso à reunião pressupõe o seu consentimento, nos termos do Regulamento Geral da Proteção de Dados.

    Associado ATEHP?

    Webinar: Inovação: “Pós-COVID19 versus legionella

    Dando cumprimento ao Plano de Atividades da ATEHP, no âmbito das Ações Formativas, a Direção da Associação – com o intuito de transmitir e partilhar conhecimento – decidiu dar continuidade ao Ciclo de Webinars ATEHP – Inovação, dando a conhecer novas metodologias, inovação tecnológica e/ou novos produtos.

    Neste contexto, iremos realizar mais uma ação de formação online, o 7º Webinar ATEHP, subordinada ao tema “Pós COVID-19 versus Legionella”, o qual terá lugar no próximo dia 15 de março, pelas 14:30 horas, cujo Programa encontra-se em anexo.

    O Webinar terá uma duração de 90 min e contará com a participação de conceituados Oradores/Colaboradores nossos Associados que, no período de debate final, responderão a perguntas e/ou prestarão esclarecimento de dúvidas técnicas.

    A participação é gratuita mas necessita de inscrição, através do site da ATEHP.

    Atempadamente a Organização disponibilizará aos inscritos o link de acesso ao Webinar, através da plataforma Colibri-Zoom.

     

    Organização
    ATEHP – Associação de Técnicos de Engenharia Hospitalar Portugueses

    Abertura e apresentação do Ciclo de Webinars ATEHP
    António Ribeiro, Presidente da Direção da ATEHP

    Moderação
    Francisco Brito, Vogal da Direção da ATEHP

    Coordenação
    José Graça Rocha, Presidente do conselho Fiscal e de Disciplina da ATEHP

    Oradores/Colaboradores

    Pablo Blanco
    Engenheiro Industrial
    CM Certified Energy Manager

    José Luís Bernadaus
    Engenheiro Técnico Industrial
    Auditor e Gestor de Energia

    Duração
    90 min

    Descarregue Programa

    Inscrições

    A inscrição e consequente acesso à reunião pressupõe o seu consentimento, nos termos do Regulamento Geral da Proteção de Dados.

      Associado ATEHP?

      Conferência “Um estatuto para reforçar o SNS” | 2 de dezembro | Online e Presencial | 18:00

      A aprovação da Lei de Bases em 2019 deixou em aberto o seu enquadramento regulamentar com resiliência adequada para devolver a estabilidade administrativo-organizacional ao SNS.  O Governo submeteu á discussão publica uma proposta de Decreto –Lei do Estatuto do SNS, para o qual a Plataforma “Reforçar o SNS”, constituída pelas Associação dos Médicos pelo Direito à Saúde, Associação de Técnicos de Engenharia Hospitalar Portugueses, Cidadania Enfermagem, Comissão de Utentes dos Serviços de Saúde da Quinta do Conde, Grupo de Trabalho “Salvar o SNS – Estamos do lado da solução”, Fundação para a Saúde – SNS, Fundação Professor Francisco Pulido Valente, Mais Participação, Melhor Saúde e Plataforma Cascais, apresentou uma apreciação que se anexa. Esta apreciação, sinalizando tanto os aspetos positivos como os negativos, foi elaborada de acordo com o espírito que enformou a nova Lei de Bases da Saúde e visando projetar o SNS para o futuro, com garantia financeira, com coesão organizacional, com coerência administrativa, com dedicação profissional e com flexibilidade funcional.

      Com o objetivo de reforçar o parecer deste conjunto de Associações foi realizada uma Conferencia no dia 2 de dezembro no auditório do Infarmed, cujo programa se anexa.

      Programa:

      Programa Conferencia Estatuto SNS

      Contributo da Plataforma Reforçar o SNS:

      CONTRIBUTO PARA A DISCUSSÃO PÚBLICA DO ESTATUTO DO SNS v05

       

      Conferência “O PRR e a Transição Digital na Saúde” | 26 de novembro

      O Plano de Recuperação e Resiliência (PRR), Transição Digital na Saúde, prevê o desenvolvimento de softwares, aquisição de meios para migração de dados e infraestruturas, aquisição de recursos com vista a atividades de capacitação e aquisição de equipamentos, de hardware e empreitadas, onde figura a compra de 18.000 computadores pessoais, 30.000 telefones para os cuidados primários e 2.500 kits de telesaúde, com o custo previsto de 300 milhões de euros (PRR – PARTE 2: DESCRIÇÃO DAS REFORMAS E DOS INVESTIMENTOS – COMPONENTE 1: Serviço Nacional de Saúde, ver Investimento RE-C01-i06: Transição Digital da Saúde). Falta, no entanto, um plano estratégico que oriente e confira coerência e sentido aos investimentos. Haverá que dar prioridade a um Registo de Saúde Eletrónico (RSE) que contemple a arquitetura de dados, a especificação dos modelos de interoperabilidade tecnológica, semântica e organizacional de acordo com os standards internacionais, as interfaces com reguladores e outros Sistemas de Saúde, bem como o levantamento das infraestruturas e aplicações existentes e diagnostico das necessidades para a implementação do RSE.

      No âmbito da discussão pública do PRR, um vasto conjunto de cidadãos, incluindo profissionais de saúde e organizações, estabeleceram a Plataforma “Reforçar o SNS” (Associação dos Médicos pelo Direito à Saúde, Associação de Técnicos de Engenharia Hospitalar Portugueses, Comissão de Utentes dos Serviços Públicos de Saúde da Quinta do Conde, Grupo de Trabalho Salvar o SNS – Estamos do Lado da Solução, Fundação para a Saúde – SNS, Fundação Professor Francisco Pulido Valente, Iniciativa Mais Participação, melhor Saúde e Plataforma Cascais) que, com o Instituto Português da Qualidade e a sua da Comissão Técnica 199 – Sistemas de Informação para a Saúde,  organizou a Conferência  com o programa anexo.

      Na conferência foram equacionados os principais desafios e contributos, limitações e fatores críticos da Transição Digital na Saude, salientando-se as intervenções do Professor Correia de Campos, do Professor Costa Silva e da Senhora Ministra da Saúde. Concluiu-se que a criação de um Processo Clinico Eletrónico – Registo de Saúde Eletrónico (RSE) adequado, é um elemento central estruturante do SNS que, por um lado, é omisso no PRR e por outro apurámos que o investimento na Transição Digital na Saúde está a ser gerido entre os SPMS e a Estrutura de Missão Recuperar Portugal, integrada no Ministério da Economia, á margem e sem validação estratégica do Ministério da Saude.

      Daqui decorre a necessidade de eleger o Registo de Saude Eletrónico como prioridade do PRR-Transição Digital na Saúde e, enquanto estruturante da politica de saúde, o processo ser orientado estrategicamente e ao mais alto nível pelo Ministério da Saude.

      A Conferência, envolvendo atores com capacidade para promover o sucesso do PRR na Transição Digital na Saúde, foi o contributo imediato decidido pela Plataforma “Reforçar o SNS”. Para a concretizar, foram decisivos o apoio e a capacidade de organização do Instituto Português da Qualidade e o empenho do Presidente da Comissão Técnica 199 – Sistemas de Informação para a Saúde.

      26 de novembro de 2021

      Programa:

      http://www1.ipq.pt/PT/Site/Destaques/Documents/2021/NOV/2021_programa_conferencia_prr_saude.pdf

      5º WEBINAR ATEHP – Manutenção Preditiva

      Integrado no ciclo de Webinars ATEHP-Inovação, e dando cumprimento ao seu plano de atividades, a Direção da Associação organizou mais uma ação formativa, que teve lugar no dia 29 de Setembro de 2021, pelas 17h, no formato webinar, subordinada ao tema “ Manutenção preditiva “ coordenada pelo Eng.º Torres Farinha e o Eng.º Luis Duarte.

      Após a abertura,  com uma intervenção do Eng. Abraão Ribeiro – Presidente da Direção, foram efetuadas as seguintes apresentações, pelos seguintes intervenientes:

      – “ Do Sensor à Predição ”, pelo Eng.º Inácio Fonseca;

      – “ Sistemas Inteligentes no apoio à Manutenção Preditiva ”, pelo Eng.º Mateus Mendes;

      – “ A Metrologia na Manutenção Preditiva ”, pelo Dr.º Elói Pereira;

      – “ Diagnóstico Assistido por Métodos Computacionais a Partir de Imagens “, pelo Eng.º João Manuel Tavares;

      Após as apresentações, seguiu-se um pequeno período de debate, onde se enfatizou o recurso à Inteligência Artificial, para prever o comportamento e padrões de funcionamento das Instalações em tempo real, como sendo um passo chave para a criação de valor, proporcionando uma Saúde mais eficiente e com maior qualidade.